quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Os dois construtores

Olá mamães,
 Quero começar o ano com um convite especial para você que mora aqui do Rio de Janeiro: reúna a criançada e ouça a programação que a Primeira Igrerja Batista de Niterói (minha igreja) mantém aos sábados a partir das 21:00 na rádio El Shaday 93,3 FM. Quem não é do Rio pode acessar pelo site: http://radio93.com.br/ no link "rádio on line" que fica bem no alto da página.  Os primeiros 10 minutos são do ministério infantil e a cada sábado temos a participação de uma “tia” contando uma historinha e também alguma música sobre o mesmo tema, acho que seus filhinhos vão gostar.  
Bem, ontem eu gravei minha participação para dois programas. Em um li o livro “Isto não é conto de fadas” de Dale Tolmassof publicado pela Editora Fiel, é excelente e recomendo muitíssimo.
Para o outro programa gravei um pequeno estudo que escrevi sobre a passagem em que Jesus conta a história dos dois construtores. Escolhi essa passagem porque reli na semana passada e fiquei refletindo sobre a expressão “cavou fundo” que aparece em Lucas 6:47 a 49. Construir a casa firmada na rocha não é apenas uma escolha, na verdade dá trabalho... mas vale muito a pena.
Compartilho abaixo esse estudo com vocês, espero que gostem e que seja uma boa reflexão para vocês também.
“Olá crianças, você sabia que Jesus gostava muito de conversar com as pessoas e de contar histórias? As histórias que Ele contava sempre ensinavam alguma coisa especial. Um dia Ele contou uma para explicar sobre dois tipos de pessoas: as que obedecem as suas palavras e as que só escutam, mas não obedecem.
Nós podemos ler esse ensinamento no livro de Lucas capítulo 6 versículos 47 a 49, e, também no livro de Mateus capítulo 7 versículos 24 a 27.
Jesus disse que as pessoas que ouvem e aprendem suas palavras e obedecem são como um homem que decidiu construir sua casa. Ele era muito cuidadoso e fez tudo com capricho. Ele cavou fundo na terra para firmar os alicerces, a fundação da casa, na rocha. Isso tudo deu um bocado de trabalho, mas assim sua casa ficou bem segura.
Podemos aprender com isso que obedecer nem sempre vai ser fácil.
Às vezes vai parecer mais legal continuar brincando ao invés de ir almoçar ou tomar banho quando a mamãe mandar. E se temos um colega na escola ou um vizinho que sempre implica ou debocha da gente ou que nunca empresta seus brinquedos, mas sempre pede os nossos... é difícil obedecer ao que Jesus falou sobre sempre perdoar, parece mais fácil ficar sem falar com ele pra sempre, não é mesmo. 
Mas, assim como o homem dessa história devemos “cavar fundo”, ou seja, lutar contra a nossa vontade de desobedecer e pedir ajuda ao Senhor para sermos obedientes à Sua Palavra.
Jesus continuou a história falando que as pessoas que ouvem suas Palavras, mas não obedecem são como um homem que construiu sua casa de qualquer maneira, em cima da areia mesmo, sem fazer a fundação firme.
O Senhor Jesus termina a história contando que um dia choveu muito, mas muito mesmo, os rios encheram e os ventos sopraram com força. Vocês sabem qual casa resistiu àquela forte tempestade? Pois é, a casa que estava firmada na Rocha continuou de pé, a outra ruiu, caiu.
Ser obediente às vezes dá trabalho sim, mas é sempre o melhor.
A cada dia que conhecemos mais o Senhor através da leitura da Bíblia, das nossas conversas com Ele em oração, dos cultos e estudos na Igreja e principalmente colocamos em prática o que aprendemos, estamos firmando a nossa vida em Jesus mais e mais.
E assim como a tempestade da história que Jesus contou, os problemas, as tristezas e as dificuldades da vida vão acontecer para todas as pessoas. Aquelas que não estão com a vida firme em Jesus vão ficar arrasadas. Mas as que estão firmes vão encontrar em Jesus o abrigo seguro que precisam.
Meus irmãozinhos e queridos amiguinhos que nos ouvem construam suas vidas firmadas na rocha da obediência ao Senhor Jesus, é sempre o melhor. Que Deus nos abençoe.”

Beijinhos,
da mamãe do Gabriel e da Alice

Um comentário:

  1. Amada irmã Raquel,obrigada pelas orientações e instruções de como criar nossos filhos nos caminhos do Senhor!!!Com certeza iremos ouvir sua história pela rádio!!!Quando eu crescer, quero ser como vc!!!Bjs

    ResponderExcluir